Yoga para digestão: Elimine as toxinas do corpo!

A indigestão pode levar a muitos problemas de saúde, como inchaço, dor de estômago, acidez e prisão de ventre. A digestão dos alimentos começa na boca e prossegue para o estômago e depois para os intestinos. A comida é decomposta e absorvida pelo corpo. 

A digestão saudável é o principal aspecto de bem-estar no Ayurveda, medicina milenar indiana. Seus hábitos e atividades alimentares afetam diretamente o processo de digestão. Para manter seu sistema digestivo saudável e forte é importante observar o seu estilo de vida ou hábitos alimentares. 

A conexão entre o estresse e as doenças modernas está se tornando mais clara por meio da pesquisa científica – reforçando a importância de uma conexão corpo / mente que sempre esteve no cerne do Ayurveda e o yoga. O estilo de vida sedentário, falta de sono, alto estresse e super estimulação, todos os quais se encaixam na categoria ayurvédica do elemento vata ou ar desequilibrado.

Vata é seco, frio, leve, áspero, rápido e mutável. A principal função do elemento vata no corpo é o movimento, razão pela qual vata está diretamente relacionado à constipação. Quando fora de equilíbrio, uma pessoa pode ter um humor instável. Elas podem sentir medo, ansiedade, instabilidade e exaustão. Elas também podem sentir dores de cabeça, dores nas articulações, dores de cabeça ou prisão de ventre!

A constipação crônica também está ligada ao estresse mental. Fadiga, pressão e super estimulação por imagens, sons e velocidade também aumentam o vata. O mesmo acontece com uma dieta pobre em frutas frescas, vegetais e fibras.

 

yoga-para-digestao-yogateria2


Yoga e o sistema digestivo –  Como as posturas de yoga podem aliviar a prisão de ventre?

Uma das melhores maneiras de melhorar a constipação é por meio da prática de yoga que inclui posturas, respiração e meditação. O yoga não apenas estimula o intestino e outros órgãos abdominais, mas ajuda a reduzir o estresse, que está associado a problemas digestivos, como a síndrome do intestino irritável. O Yoga massageia os órgãos internos e certas posturas, como torções, ajudam a movimentar os intestinos.

Yoga revitaliza o corpo, aumentando o fluxo de sangue e oxigênio no sistema. Como a maioria das posturas de yoga envolvem movimentos pélvicos, é uma das melhores ajudas para aliviar os problemas de gases intestinais.

Apenas alguns minutos de prática diária de postura de yoga podem estimular o intestino a evacuar, reduzir gases, inchaço, síndrome do intestino irritável e manter você e a sua barriga felizes.

O bem-estar completo, entretanto, leva em consideração não apenas a digestão física no estômago, mas também a digestão mental. A digestão de ideias, experiências e emoções é uma função necessária para nosso bem-estar geral. A quantidade certa de informação e espaço suficiente para processá-la resultam em uma mente e um sistema nervoso calmos e firmes. Essa realidade sustentável e de baixo estresse é a base da saúde do corpo físico também.

 

Navasana-postura-barco-yogateria


Naukasana – Postura do Barco

  • Deite-se de costas com os pés juntos e os braços ao lado do corpo.
  • Respire fundo e, ao expirar, levante o peito e os pés do chão, esticando os braços na direção dos pés.
  • Seus olhos, dedos das mãos e dos pés devem estar alinhados.
  • Sinta a tensão na região do umbigo à medida que os músculos abdominais se contraem.
  • Continue respirando profunda e facilmente enquanto mantém a postura.
  • Ao expirar, volte ao solo lentamente e relaxe.

     

Os benefícios da postura do barco

Fortalece os músculos abdominais.
Energiza os intestinos.
Estimula a digestão, melhorando a secreção de sucos digestivos.

 

postura-camelo-yogateria2


Ustrasana –  Postura do Camelo

Ajoelhe-se no tapete de yoga e coloque as mãos nos quadris.
Seus joelhos devem estar alinhados com os ombros e a sola dos pés deve estar voltada para o teto.
Ao inspirar, puxe o cóccix em direção ao púbis, como se estivesse sendo puxado do umbigo.
Simultaneamente, arqueie as costas e deslize as palmas das mãos sobre os pés até que os braços fiquem retos.
Não force ou flexione o pescoço, mas mantenha-o em uma posição neutra.
Fique nessa postura por algumas respirações.
Expire e volte lentamente à postura inicial. Retire as mãos e traga-as de volta aos quadris enquanto se endireita.

 

Os benefícios da postura do camelo

  • Ustrasana é uma postura de yoga de flexão para trás de nível intermediário.
  • Conhecida por abrir Anahata (chakra do coração).
  • Ajuda a melhorar a digestão.
  • Alivia constipação

 

ardha-matsyendrasana-torção-sentado-yogateria


Ardha-Matsyendrasana – Postura torção sentada 

Sente-se com as pernas esticadas à sua frente, mantendo os pés juntos e a coluna ereta.
Dobre a perna esquerda e coloque o calcanhar do pé esquerdo ao lado do quadril direito.
Coloque a perna direita sobre o joelho esquerdo.
Coloque a mão esquerda sobre o joelho direito e a mão direita atrás da parte inferior das costas.
Gire a cintura, os ombros e o pescoço nesta sequência para a direita e olhe por cima do ombro direito.
Mantenha sua coluna ereta.
Mantenha a postura e continue a respirar com respirações longas e profundas.
Expirando, solte primeiro a mão direita, seguida pela cintura, depois o peito e, por último, o pescoço.
Repita do outro lado

 

Os benefícios da postura torção sentada

  • Alonga, fortalece e realinha a espinha
  • Estimula o fluxo de sangue fresco para os órgãos internos
  • Melhora a digestão
  • Abre o tórax e aumenta o suprimento de oxigênio para os pulmões

 

 

pavanmuktasan-postura-liberacao-ar-yogateria


Pavanmuktasana – Postura para aliviar o vento

Deite-se de costas com os pés juntos e os braços ao lado do corpo.
Inspire e, ao expirar, traga o joelho direito em direção ao peito e pressione a coxa no abdome com as mãos postas.
Inspire novamente e, ao expirar, levante a cabeça e o peito do chão e toque o joelho direito com o queixo.
Fique por alguns instantes, inspirando e expirando profundamente.
Na última expiração, volte para o chão e relaxe.
Repita essa postura com a perna esquerda e, a seguir, com as duas pernas juntas.
Você pode balançar para cima e para baixo ou rolar de um lado para o outro 3-5 vezes e depois relaxar.

 

Os benefícios da postura para aliviar o vento 

  • Fortalece as costas e os músculos abdominais
  • Tonifica os músculos da perna e do braço
  • Massageia os intestinos e outros órgãos do abdômen
  • Ajuda na digestão e liberação de gases
  • Aumenta a circulação sanguínea nas articulações do quadril e alivia a tensão na parte inferior das costas

 

yoga-para-digestao-yogateria3


Técnicas de respiração, pranayamas, para digestão


Pranayama
é uma prática yogi que se concentra em técnicas de respiração e envolve a ingestão de mais oxigênio. Prana se refere à força vital e yama significa a condução, ou seja, com o pranayama conduzimos energia vital para partes específicas do corpo. Abaixo estão alguns exemplos de técnicas de pranayama que podem ser usadas para estimular o nervo vago e melhorar a digestão.

 

nauli-kryia-yogateria


Nauli Kryia – Técnica de respiração para limpar e definir o abdômen

 

Nauli kryia é uma das técnicas que compõem o shatkarma (também chamado de shatkriya), o sistema de limpeza do corpo yogi. É usado na prática da medicina tradicional indiana ayurveda, bem como na Hatha Yoga.

É uma técnica de respiração pensada para limpar os órgãos da região abdominal. Ela massageia órgãos como rins, fígado, bexiga, pâncreas e vesícula biliar. Ao respirar, a pessoa também faz círculos com o estômago e o tronco. Um movimento giratório da esquerda para a direita também pode ser feito. Incentiva o fogo gástrico fraco e ajuda as pessoas com problemas de prisão de ventre. Ela pode ajudar a limpar os resíduos do intestino delgado e grosso, o que pode eliminar a distensão e os gases.

 

Como fazer Nauli Kryia

 

Esta é uma técnica de respiração mais avançada e pode levar alguns meses praticando uddiyana bandha antes de tentar este pranayama. É melhor que um professor experiente lhe ensine este pranayama.

Comece com Uddiyana bandha – Você pode começar em uma posição em pé com os joelhos ligeiramente dobrados em uma posição sentada com as pernas cruzadas. Coloque as mãos nas coxas com os dedos apontando para o abdômen. Relaxe o queixo, expire rápida e completamente, esvazie os pulmões. Prenda a respiração com os lábios selados. Delicadamente, curve as costas, levante o abdômen e relaxe os músculos do estômago. Finja inspirar enquanto mantém os lábios fechados. Segure por alguns segundos, enquanto estiver confortável. Antes de inspirar, relaxe os músculos faciais e da garganta, com calma e controle, inspire pelo nariz.

Para Nauli Kryia, assuma a mesma posição de antes. Respire completamente e prenda a respiração. Desta vez, contraia os músculos do abdômen e mova-os para o lado. Depois, mova os músculos abdominais para o lado oposto, comece devagar e depois acelere. O movimento dos músculos é conhecido como nuali.

 

Quando fazer Nauli Kryia


É melhor fazer esse pranayama pela manhã com o estômago vazio, antes de consumir qualquer alimento ou líquido. Esta técnica de respiração não deve ser realizada por mulheres grávidas, indivíduos que sofrem de hipertensão, doenças cardíacas ou problemas gastrointestinais graves.

 

mulher-kapalabhati-contracao-abdomen-yogateria


Kapalabhati Kriya –  Respiração do crânio brilhante –  Técnica de respiração para purificação


Kapalabhati é conhecido como o sopro do fogo, kapala que significa ‘crânio’ e bhati que significa ‘brilhar, iluminar’. É uma respiração que aquece e energiza, e auxilia na limpeza do corpo por meio da criação de calor.  Essa prática de respiração envolve exalações curtas e fortes.

 

Como fazer Kapalabhati

 

Na posição sentada, com as costas retas e estendidas, expire livre e completamente. Inspire suavemente pelo nariz e depois expire rapidamente com vigor pelo nariz enquanto leva o umbigo em direção à coluna. Repita novamente, faça 10 ciclos de respiração e, com o tempo, aumente gradualmente os ciclos.

 

Quando fazer Kapalabhati

 

Kapalbhati kriya é ótimo para fazer de manhã com o estômago vazio ou antes das refeições.

 

Bhastrika-Pranayam-yogateria


Bhastrika Pranayama – Respiração do fole


Bhastrika Pranayama é o processo de inalação e exalação rápidas que dá um impulso ao corpo e, portanto, é apropriadamente chamada de respiração do fole no yoga.  Auxilia na remoção de toxinas, reduzindo a inflamação e também o acúmulo de muco nasal.

 

Como fazer Bhastrika

 

Sente-se em vajrasana ou sukhasana (posição de pernas cruzadas).
Feche o punho e coloque as mãos na altura dos ombros.
Inspire profundamente, levante as mãos e abra os punhos.
Expire com um pouco de força, abaixe os braços ao lado dos ombros e feche os punhos.
Continue por 20 respirações.
Relaxe com as palmas das mãos nas coxas.
Faça algumas respirações normais.
Continue por mais duas rodadas.

 

Quando fazer Bhastrika

 

É melhor praticar este pranayama pela manhã com o estômago vazio. Esta técnica de respiração não deve ser realizada por mulheres grávidas, indivíduos que sofrem de hipertensão, doenças cardíacas ou problemas gastrointestinais graves.

  • Cinto de Yoga

    R$59
  • -8%

    Limpador de Língua 100% cobre puro – EDIÇÃO LIMITADA

    R$64 R$59
    COMPRAR
  • Livro – Mude seus horários, mude sua vida

    R$39
    COMPRAR
  • Tapete de yoga Asana – 4.5mm PVC ecológico

    R$139