Massagem ayurvédica: Um presente para o corpo!

O que é massagem ayurvédica?


Ayurveda é um sistema de saúde milenar, vindo da Índia e reconhecido pela Organização Mundial da Saúde. No Ayurveda, os cinco elementos encontrados em todas as coisas vivas – espaço, ar, fogo, água e terra – são considerados os blocos de construção da vida. Eles se combinam para criar, no corpo, três constituições principais, conhecidas como doshas: Vata (ar e espaço), Pitta (fogo e água) e Kapha (água e terra). Todos herdam uma combinação única dos três doshas, ​​embora um seja geralmente mais dominante. As práticas ayurvédicas equilibram os doshas para melhorar a saúde física e emocional de uma pessoa.

Uma das práticas mais comuns dentro do Ayurveda é a massagem ayurvédica. Durante uma massagem ayurvédica, geralmente óleos orgânicos são infundidos com ervas ayurvédicas e aquecidas para promover relaxamento e desintoxicação. Os óleos são escolhidos para equilibrar o dosha dominante de uma pessoa. Na temperatura certa, esses óleos entram no corpo através da pele e dos poros, ligam-se ao ama (toxinas) e são liberados para desintoxicar o corpo.

 

A massagem ayurvédica é uma prática poderosa para a saúde do corpo e da mente, trazendo inúmeros benefícios. 

 

Quais os benefícios da massagem ayurvédica?

 

  • Aumenta a consciência corporal
  • Desobstruir vias fisiológicas e energéticas 
  • Desintoxica e limpa
  • Melhora o sistema imunológico
  • Melhora a circulação
  • Aumenta a vitalidade, rejuvenescendo e reparando
  • Equilibra os doshas –  Vata, Pitta e Kapha
  • Promove uma pele saudável
  • Reduz o estresse, promovendo um relaxamento profundo

Talvez você já tenha ouvido falar em Abhyanga, oleação, ou até mesmo massagem indiana, mas, na verdade, existem diferentes tipos de massagem ayurvédica.  Vamos falar sobre os tipos mais conhecidos. 

 

massagem-ayurvedica-yogateria3


Massagem Ayurvédica – Abhyanga


Um termo sânscrito, abhyanga significa “massageando os membros do corpo” ou “corpo brilhante”. É derivado de abhi, que significa “brilho”, e anga significa “membro”.  O Abhyanga pode ser feito como uma automassagem ou também recebido. Um terapeuta ayurvédico
que aplica a técnica abhyanga, se concentra em limpar os canais de energia do corpo, movendo e removendo toxinas e equilibrando os chakras (centros de energia).

 

Abhyanga – manobras


O estilo e o fluxo de uma massagem ayurvédica são determinados pelas necessidades de um indivíduo. O massagista normalmente usará técnicas de massagem, incluindo batidas, amassar e apertar, bem como movimentos de massagem tradicionais. O fluxo de movimento pode ser rápido ou prolongado, dependendo das necessidades de uma pessoa. A abordagem geral aumenta a circulação e a drenagem linfática. Alguns spas oferecem dois terapeutas trabalhando em uma pessoa simultaneamente.

 

Massagem Abhyanga e os doshas


A abhyanga é especialmente benéfica para quem tem desequilíbrio em Vata, por relaxar e aterrar.  No entanto, todos os doshas são beneficiados com abhyanga.  Recomenda-se uma frequência, óleo e aplicação diferente para cada dosha:

 

Vata Dosha – 4-5 vezes por semana usando gergelim, amêndoa, com um toque suave.
Pitta Dosha – 3-4 vezes por semana usando um óleo de coco, girassol, com um toque mais rápido e profundo.
Kapha Dosha: – 1-2 vezes por semana usando óleo de gergelim ou óleo de cártamo com um toque mais vigoroso e profundo. 

 

Os benefícios da massagem Abhyanga


A massoterapia Abhyanga é conhecida por restaurar o equilíbrio dos doshas, ​​estimular o sistema imunológico, auxiliar a qualidade do sono e aumentar o bem-estar geral e a longevidade.

 

massagem-ayurvedica-yogateria2

 

Automassagem Abhyanga – Como fazer

  1. Aqueça aproximadamente ¼ xícara de óleo. Teste a temperatura colocando uma gota na parte interna do pulso, o óleo deve estar confortavelmente morno e não quente.
  2. Sente-se ou fique de pé confortavelmente em um ambiente quente. 
  3. Aplique o óleo primeiro no topo da cabeça e trabalhe lentamente a partir daí em movimentos circulares – passe alguns minutos massageando todo o couro cabeludo, onde estão localizados muitos pontos de concentração de energia vital. 
  4. Massageie em movimentos circulares na testa, têmporas, bochechas e mandíbulas (sempre movendo-se para cima). Certifique-se de massagear seus ouvidos, especialmente os lóbulos.
  5. Use movimentos longos nos membros (braços e pernas) e movimentos circulares nas articulações (cotovelos e joelhos). Sempre massageie na direção de seu coração 
  6. Massageie o abdômen e o tórax em movimentos circulares amplos, no sentido horário. No abdômen, siga o trajeto do intestino grosso; movendo-se para cima no lado direito do abdômen, depois para o outro lado e depois para baixo no lado esquerdo. 
  7. Termine a massagem gastando pelo menos alguns minutos massageando seus pés. Os pés são uma parte muito importante do corpo com as terminações nervosas de órgãos essenciais. 
  8. Fique com o óleo por pelo menos 5 minutos e até 30 minutos, se possível, para que o óleo possa absorver e penetrar nas camadas mais profundas do corpo.  Esse momento também pode ser bom para exercitar e aquecer o corpo. 
  9. Tome um banho ou ducha quente. Você pode usar sabonete neutro nas áreas “estratégicas”, evite ensaboar vigorosamente e esfregar o corpo

 

 

massagem-ayurvedica-yogateria5

 

Massagem ayurvédica Shirodhara


Shirodhara vem das duas palavras sânscritas “shiro” (cabeça) e “dhara” (fluxo). É uma técnica de cura ayurvédica que envolve alguém derramar gentilmente líquido quente na testa, em um fluxo contínuo calmante. 

O líquido pode ser óleo, leite, leitelho ou água/água de rosas, dependendo das necessidades da pessoa recebendo o tratamento.  O ponto aplicado é no chacra do terceiro olho, o centro energético da intuição, conhecido como ajna chakra.  Geralmente é combinada com uma massagem corporal, no couro cabeludo ou na cabeça.

 

Os benefícios da massagem ayurvédica Shidrodhara


Este tratamento é conhecido por acalmar o sistema nervoso central e integrar a mente e o corpo. Depois de experimentar shirodhara, alguns dizem que têm uma sensação de maior consciência e tranquilidade.

 

massagem-ayurvedica-yogateria6

 

Marmaterapia – Ayurveda e a terapia marma


Marma em sânscrito significa oculto ou secreto. Se refere aos pontos vitais ou de energia no corpo. Por definição, um ponto Marma é uma junção no corpo onde dois ou mais tipos de tecido se encontram, como músculos, veias, ligamentos, ossos ou articulações.

Os pontos Marma são, a mente e as emoções. Durante uma massagem marma, óleos essenciais específicos dos doshas são combinados com um toque leve e circular para estimular esses pontos de energia. 

 

Os principais pontos de marma


Dizem que existem 107 pontos de marma em vários locais ao redor do corpo humano:

  • 11 pontos marma em seus membros
  • 26 pontos marma em seu tronco
  • 37 pontos marma em sua cabeça e região do pescoço
  • 33 pontos marma localizados em outras partes do seu corpo

Desses, os principais são:

  • Sthapani marma – localizado no centro da testa; afeta a mente, o cérebro, e nervos
  • Phana marma – localizado na base das narinas, nos lados do nariz; afeta os seios da face, ouvidos, olfato e níveis de estresse
  • Shringataka marma – localizado no centro do queixo; afeta os olhos, ouvidos, nariz, língua e vários nervos
  • Talhridayam marma – localizado no centro da palma de cada mão, afeta os pulmões
  • Manibandha marma – localizado no centro de onde seu pulso encontra a palma de cada mão; afeta a rigidez do corpo
  • Nabhi marma – localizado no centro do umbigo; afeta o intestino delgado
  • Janu marma – localizado no ponto interno abaixo de cada joelho; afeta o coração, fígado e baço
  • Indravasti marma – localizado no centro de cada panturrilha; afeta a digestão e o intestino delgado
  • Kurcha marma – localizado no entre o primeiro e o segundo dedo de cada pé; afeta a visão
  • Talhridayam marma – localizado no centro da sola de cada pé, afeta os pulmões (assim como o mesmo ponto nas mãos)

 

Os Benefícios da massagem ayurvédica Marmaterapia


A massagem Marma desperta o sistema de cura interno do corpo, manipula a energia sutil ou prana, alivia os músculos rígidos e aumenta a circulação. Acredita-se que a marmaterapia libera energia estagnada e estimula seus órgãos internos, hormônios e outros produtos químicos para ajudar a atender às necessidades de seu corpo.

 

massagem-ayurvedica-yogateria8

 

Outras técnicas de massagem ayurveda


Udwartana –
uma massagem terapêutica de corpo inteiro com pó de ervas (choorna) em vez de óleo. É um poderoso tratamento desintoxicante do sistema linfático e circulatório.

Uzhichil – uma terapia ayurvédica de massagem profunda dos tecidos, altamente recomendada para melhorar a circulação sanguínea. Também ajuda a suavizar e tonificar a pele.

Pizhichil – Esta terapia envolve banhar o corpo com jatos de óleo medicado morno em movimentos rítmicos e massagear suavemente o corpo. Ajuda no rejuvenescimento e desintoxicação do corpo, fortalecendo os músculos fracos e melhorando a circulação sanguínea.

Elakizhi – Produtos à base de ervas são usados ​​para melhorar a saúde da pele.

Njavarakizhi – Uma massagem especial é feita para revitalizar os sentidos, promovendo a transpiração.

Swedana – Uma massagem de fomentação é feita para induzir a sudorese para remover toxinas e fornecer benefícios terapêuticos.

Kativasti – Esta é uma massagem especial para aliviar dores nas costas e musculares.

 

massagem-ayurvedica-yogateria9


Óleos – massagens ayurvédica


O óleo utilizado na massagem ayurvédica é muito importante. Usar o óleo de massagem corporal certo garante que você experimente todos os benefícios da massagem. A seleção do óleo depende do seu estado de saúde e do Dosha que estiver mais agravado. Alguns do óleos comumente usados para a massagem ayurvédica são:

 

  • Óleo de gergelim – auxilia no equilíbrio de Vata; bom quando está frio 
  • Óleo de amêndoas – bom para Vata ou Kapha dosha; bom para um clima neutro, entre estações 
  • Óleo de côco – auxilia no equilíbrio de Pitta; bom quando está quente 
  • Óleo de girassol – auxilia no equilíbrio de Pitta 
  • Óleo de cártamo – auxilia no equilíbrio de Kapha 
  • Óleo de jojoba – um óleo bom para o equilíbrio dos três doshas

 

Há também óleos de ervas ayurvédicos específicos que são benéficos para a automassagem:

  • Bala Thailam – ajuda a reduzir a inflamação e dá força ao corpo. Ajuda a aliviar a dor Vata de doenças como a artrite. 
  • Óleo de Santhwanam – melhora a circulação sanguínea, alivia dores musculares e rejuvenesce. 
  • Óleo de Pavan – ajuda a melhorar a saúde da pele e a mantê-la bem nutrida e macia. 
  • Óleo de Tejas – ajuda a reduzir a agravação de Pitta Dosha e ajuda a relaxar a mente e o corpo. É um hidratante natural. 
  • Óleo de Dharani – ajuda a reduzir a agravação de Kapha Dosha. Além disso, melhora a saúde da pele, o fluxo sanguíneo e faz você se sentir revigorado. 
  • Balaswagandhadi Thailam – ajuda a melhorar o tônus ​​muscular e a melhorar a força do sistema nervoso. 
  • Sahacharadi Thailam – ajuda a controlar o reumatismo. É um óleo antiinflamatório. 
  • Mahanarayana Thailam é um óleo para o cuidado das articulações que ajuda a reduzir a rigidez e a inflamação.
  • Incenso Massala Chakra Goloka

    R$15R$135
      • Caixa 12 peças
      • Caixinha
  • Limpador de Língua 100% cobre puro – EDIÇÃO LIMITADA

    R$59
    COMPRAR
  • Livro – Mude seus horários, mude sua vida

    R$39
    COMPRAR
  • Tapete de yoga Asana – 4.5mm PVC ecológico

    R$129