Shivaratri: A Noite de Shiva

Shivaratri é um festival importante de celebração da Noite de Shiva, uma das principais deidades do Hinduísmo. A palavra Shivaratri é formada pela junção de duas palavras: Shiv, que significa “Lord Shiva” ou o “Senhor Shiva” e Ratri, que significa noite – “a noite de Shiva”.  O Shivaratri acontece na 13ª noite / 14º dia de todo mês lunar, um dia antes da lua nova.  Dos 12 Shivaratris anuais, o que ocorre em fevereiro / março, no final do inverno (no hemisfério norte) antes da primavera, é o mais importante de todos, chamado de Maha Shivaratri ou “A Grande Noite de Shiva”.  Nesta noite, é dito que o hemisfério norte do planeta está posicionado de tal forma que ocorre um aumento natural de energia no ser humano, em que a natureza está empurrando a pessoa em direção ao pico espiritual. Por isso o Shivaratri é celebrado à noite, na noite mais escura do mês.  É uma oportunidade de trazer a experiência de vastidão dentro de cada ser humano, que é a fonte de toda a criação. É um momento marcado pela superação da escuridão e ignorância dentro de cada um.

Maha Shivaratri é o dia em que Shiva Tattva (princípio, verdade, inteligência) toca a terra. A consciência que está sempre 30cm acima do solo, toca o elemento terra na noite de Maha Shivarathri. É o casamento do material com o espiritual. Uma noite que te dá a visão do infinito, onde o medo, o cansaço e a falta vão embora.

 

Datas de Maha Shivaratri

2021: quinta-feira, 11 de março
2022: terça-feira, 1 de março
2023: sábado, 18 de fevereiro
2024: sexta-feira, 8 de março
2025: terça-feira, 25 de fevereiro

 

Quem é Shiva?

Shiva é conhecido como Mahadeva, o grande Deus, “O Destruidor” ou “O Transformador”.   Shiva faz parte da Trindade Hindu, a “Trimurti”, onde as funções cósmicas de criação, manutenção e destruição são personificadas pelos deuses Brahma, o criador, Vishnu, o mantenedor, e Shiva, o destruidor ou transformador.  Também é conhecido como o Deus da meditação, yoga, tempo, dança e destruidor do mal.  Shiva é o ser supremo do Shaivismo, uma tradição importante dentro do hinduísmo.  Às vezes é retratado de forma benevolente, como um yogi ascético, morando no Monte Kailash, casado com Parvati e pai de Ganesha e Kartikeya; às vezes é retratado matando demônios. 

 

shivaratri-yogateria


O Simbolismo de Shiva – O significado da imagem de Shiva

Os símbolos associados à imagem de Shiva são:

Serpente ao redor de seu pescoço, que representa o Ahamkara – o ego, que ao redor de seu pescoço significa que seu ego já foi conquistado e assim permanece fora de seu corpo.

Lua crescente adornada, que representa as mudanças da lua e assim a atemporalidade. O domínio do tempo e sua grande sabedoria.

Rio sagrado Ganga fluindo de seu cabelo emaranhado, significando o fluxo de ensinamentos das escrituras passando sabedoria de uma geração para a próxima. O final da ignorância e o despertar do conhecimento e da paz.

Terceiro olho em sua testa, um símbolo de alerta e da destruição do mal e da ignorância. Sabedoria e percepção de outras dimensões.

Trishula ou tridente, sua arma polivalente, representando que está além das diferentes trindades como os estados da consciência – acordado, sonhando e dormindo, os gunas – satva, rajas, tamas, os poderes – vontade, ação, conhecimento, e que destrói os três tipos de misérias – física, mental e espiritual.

Tambor damaru, que representa o som, que é um ritmo e energia, associando Shiva como o criador das ondas de vibração do universo.

Corpo coberto por cinzas, representando a natureza impermanente da vida e da existência.

 

Porque Shiva é azul? 

Azul significa como o céu. Azul significa que tudo permeia, infinito que não tem limites. Não tem forma. Shiva não tem corpo. Shiva nunca foi uma pessoa. Para simbolizar a Divindade infinita e para tornar essa Divindade compreensível para as pessoas, os antigos Rishis criaram uma forma.

Shiva é um princípio de onde tudo veio, tudo é sustentado nele e tudo se dissolve nele. Shiva é o espaço, é a consciência.

 

Shiva e Yoga

Shiva é a referência do onipresente, da consciência onde toda a criação acontece.  Shiva é a energia que faz com que todos os seres vivam. Essa energia não apenas impulsiona os seres vivos, mas também reside em coisas não-vivas. Shiva é tudo que vemos e tudo que não vemos. 

Na tradição do Yoga, Shiva não é adorado como um Deus, mas considerado como o Adi Guru, o primeiro Guru de quem se originou a ciência do Yoga.  É considerado o professor dos sábios. 

 

Shivaratri-yogateria2

 

Shiva Nataraja Yoga

Uma representação comum de Shiva é Shiva Nataraja, Shiva como um dançarino divino, literalmente significando o “rei da dança / artes performáticas”.  Nesta simbologia, Shiva aparece em uma postura de dança antiga, rodeado por um anel de chamas, de pé em um pedestal de lótus, levantando sua perna esquerda. Praticantes de asanas, podem já ter ouvido de Nataraja, ao fazer a postura Natarajasana – a postura de shiva dançante.  Esta é uma postura de equilíbrio, feita em pé, com uma perna esticada e a outra sendo segurada atrás e com o braço oposto esticado a frente do corpo.

 

shivaratri-yogateria3

 

A História de Shiva e Parvati – Deusa da fertilidade e amor

Muitos devotos aproveitam o Maha Shrivarati para celebrar também o dia em que Shiva casou-se com Parvati, deusa da fertilidade, amor, beleza, harmonia, casamento, filhos e devoção. O simbolismo por trás do casamento entre Shiva e Parvati significa o encontro entre o sutil e o bruto. Parvati é o Maya – Ilusão e Shiva representa a consciência inocente e bem-aventurada. 

A união de Shiva e Parvati é um reflexo de nossa vida cotidiana, pois mesmo com o vislumbre de algo mais elevado, é envolvida nas rotinas diárias.

 

Como celebrar o Maha Shivaratri

Diferente de outros festivais, o Shivaratri não é celebrado como uma festa mas sim em estado contemplativo e espiritual. A maioria das pessoas passa o dia do Maha Shivaratri em oração, meditação e celebração.  É comum honrar Shiva recitando poemas ou contando histórias, entoando mantras, meditando, jejuando, fazendo vigília, visitando templos de Shiva e levando oferendas ao Shivalinga (representação simbólica do Shiva sem forma), permanecendo acordado à noite em meditação, contemplação espiritual ou performando ou observando pujas (rituais devocionais).

Aqui estão algumas atividades que podem ser feitas de casa no Maha Shivaratri:

  • Fazer jejum (passe o dia comendo apenas frutas ou outros alimentos frescos)  – desintoxica o corpo e aquieta a mente, preparando para a meditação

     

  • Meditar – é recomendado ficar acordado e meditar

     

  • Cantar ‘Om Namah Shivaya’ – Om ‘, no mantra, refere-se ao som do universo. Isso significa paz e amor. As cinco letras, ‘Na’, ‘Ma’, ‘Shi’, ‘Va’, ‘Ya’ em ‘Namah Shivaya’ indicam os cinco elementos – Terra, Água, Fogo, Ar e Éter.  Cantar “Om Namah Shivaya” harmoniza os cinco elementos do universo. Quando há paz, amor e harmonia em todos os cinco elementos, então há bem-aventurança e alegria.

    Nesta data auspiciosa, a intenção é potencializada com o canto do mantra Om Namah Shivaya que pode ser entoado em forma musical, repetida, ou lentamente de forma meditativa. Acalma a mente, transforma a energia, aumenta o foco, e gera um sentimento de gratidão e força.

     

  • Participar de Mahashivaratri Puja / Rudra Puja – Os pujas são cânticos de mantras védicos especiais acompanhados por rituais. Trazem positividade e pureza ao ambiente e transformam emoções negativas. Participar do Puja e ouvir os cantos ajuda a mente a entrar em meditação sem esforço. Para celebrar a grande noite de Shiva, você pode acessar as mídias sociais do Líder Humanitário Sri Sri Ravi Shankar, fundador da Arte de Viver,  no facebook ou Youtube.

     

  • Adoração ao Shivalinga – O Shivalinga é uma representação simbólica do Shiva sem forma. Adorar o Shivalinga inclui oferecer “Bel Patra” (folhas da árvore bel) a ele. Oferecer ‘Bel Patra’ representa oferecer três aspectos do seu ser – rajas (o aspecto de você que é responsável pela atividade), tamas (o aspecto de você que traz inércia) e sattva (o aspecto de você que traz positividade, paz e criatividade). Esses três aspectos afetam sua mente e ações. Entregar os três ao Divino traz paz e liberdade.

 

srisriravishankar-yogateria

“Shiva representa nossa alma, e tattva é um princípio ou verdade. Esta é aquela época do ano em que descansamos na verdade / princípio de nossa alma. Isso significa que estamos buscando as verdades superiores da vida que estão dentro de nós.” – Sri Sri Ravi Shankar

  • Incenso Massala Ayurvédico Sândalo Goloka

    R$15R$135
      • Caixa 12 peças
      • Caixinha
  • Livro – Deus Ama Diversão

    R$39
    COMPRAR
  • Livro – Hatha Yoga Pradipika

    R$55
    COMPRAR
  • Livro – O Coração do Yoga

    R$75
    COMPRAR