Gomukhasana: postura do rosto da vaca

Significado de Gomukhasana

Gomukhasana é a postura da “cara da vaca” – Go = vaca, mukha = face, asana = postura. Não consegue ver a cara da vaca? Observe que as pernas cruzadas se parecem com os lábios, e os braços são as orelhas. ????

Benefícios

Alivia tensão dos ombros
Elasticidade aos músculos do tórax
Alonga os tornozelos, coxas, axilas e tríceps
Flexibiliza as articulações do quadril, joelhos e ombros
Tonifica a lombar e melhora a postura
Cura cãibras nas pernas

Como fazer a postura

Sente-se sob os calcanhares, deslize o pé esquerdo sob o joelho direito para a parte externa dogomukhasana-postura-rosto-vaca-musculo quadril direito. Cruze a perna direita sobre a esquerda, empilhando o joelho direito em cima do esquerda, e leve o pé direito para a parte externa do quadril esquerdo. Sente-se sobre os ísquios (ossos que tocam o chão ao sentar). Inspire e estique o braço esquerdo para a frente e para cima em direção ao teto, com a palma da mão voltada para trás. Expire, dobre o cotovelo direito pra trás e para baixo. Se possível, junte as mãos atrás.

Mantenha por 1 minuto. Solte os braços, descruze as pernas e repita com os braços e pernas invertidos. Se a perna esquerda está por baixo, o braço esquerdo está por cima. Se a perna direita está por baixo, o braço direito está por cima.

Dicas

gomukhasana-postura-rosto-vaca-adaptaçãoPara ajudar a colocar os dois ossos no chão e alinhar os joelhos, use um bloco de yoga ou um travesseiro dobrado para levantar os ossos do chão e apoiá-los uniformemente. Pessoas com ombros tensos e que não conseguem juntar as mãos atrás podem segurar um cinto de yoga entre as mãos. Durante a postura evite contrair o pescoço, colocar os cotovelos para frente ou curvar a coluna. É importante que o tórax esteja aberto, cotovelos para trás, joelhos alinhados um acima do outro e ombros afastados das orelhas.

Variações

Apoie o torso frontal na parte superior interna da coxa. Fique por 20 segundos. Você pode aumentar o alongamento afastando as mãos da parte de trás do tronco.

Esta postura não deve ser feita em casos graves de dores no pescoço ou ombro.